breve resumo

PHP (um acrônimo recursivo para PHP: Hypertext Preprocessor”, originalmente Personal Home Page) é uma linguagem interpretada livre, usada originalmente apenas para o desenvolvimento de aplicações presentes e atuantes no lado do servidor, capazes de gerar conteúdo dinâmico na World Wide Web. Figura entre as primeiras linguagens passíveis de inserção em documentos HTML, dispensando em muitos casos o uso de arquivos externos para eventuais processamentos de dados. O código é interpretado no lado do servidor pelo módulo PHP, que também gera a página web a ser visualizada no lado do cliente. A linguagem evoluiu, passou a oferecer funcionalidades em linha de comando, e além disso, ganhou características adicionais, que possibilitaram usos adicionais do PHP, não relacionados a web sites.

Existem muitas razões para usar o PHP para a programação de aplicações web. Em primeiro lugar, é uma linguagem livre, sem taxas de licenciamento, de modo que o custo de usá-la é mínimo. Além disso você tem a liberdade de escolha de sistema operacional e de servidor web.
PHP é uma linguagem de programação de código aberto, criada para o desenvolvimento web. Com ela podemos escrever pequenos scripts de forma procedural, utilizar a orientação a objetos ou ainda ambas.
O PHP é uma linguagem de script open source de uso geral, desenvolvida especialmente para desenvolvimento web. Ele possui a vantagem de seus scripts serem executados no lado do servidor, entregando para o cliente geralmente um conjunto de HTML, CSS e JavaScript.

Em um site ou aplicativo web, o código PHP é delimitado pelas instruções de processamento de início (<?php) e fim (?>). Tudo o que vai entre essas duas tags é executado pelo interpretador no lado do servidor, como uma consulta a um banco de dados que retorna informações a serem exibidas em uma página. O navegador do usuário requisita a página ao servidor web, que então é processada pelo interpretador do PHP no servidor, gerando o código HTML com a resposta a ser devolvida ao navegador.

 

Com a evolução da linguagem, o PHP ganhou outras formas de utilização além dos sites dinâmicos, como scripts de linha de comando para automatização de diversos tipos de tarefas e aplicações para desktop. Por ser uma linguagem de programação simples de aprender, mas com recursos avançados e bom desempenho, o PHP já foi utilizado na criação de vários sites e serviços famosos, como Facebook, WordPress e Wikipédia. Alguns deles ainda possuem partes de suas funcionalidades feitas com a linguagem.

Copyright © 2022 por Elemento Digital – Política de privacidade | Mapa do site

Garantimos 100% de segurança de suas informações. Não compartilharemos os detalhes fornecidos acima com ninguém. Seu e-mail não será usado para spam.

Em que podemos ajudar?