logomarca

O que vai ser do Marketing Digital em 2022?

A Elemento Digital faz um breve resumo para que você entenda sobre o Marketing Digital.

A equipe da Elemento Digital está à sua disposição!

Elemento Digital

Mais um ano começando, mas desta vez com esperanças em dobro. Todos esperamos que 2022 seja o ano em que possamos retomar as nossas atividades e a economia com tudo! Assim, queremos dividir com vocês, nossos clientes, aquelas que acreditamos serem as principais tendências de Marketing para 2022. O trabalho remoto ou híbrido, por exemplo, já está consolidado, então não é mais uma tendência.

Marcas fazendo entretenimento no Instagram

O Instagram deixou claro, recentemente, que é uma rede social de vídeos – e não mais de fotos. Portanto, um dos canais preferidos das empresas brasileiras para ações de branding (refere-se à gestão da marca de uma empresa) e de vendas exige uma mudança de estratégia. Assim, é preciso aprender a fazer entretenimento para atrair o público. Ninguém acorda de manhã e pensa: “nossa, hoje eu quero interagir com uma marca no Instagram“, mas sim para se deslocar da realidade, ver contatos, memes, etc. É preciso encontrar um equilíbrio entre os posts que demonstram conhecimento e os que apenas divertem. E para isso é preciso planejamento. Assim, é possível se inserir nesse momento de relaxamento dos seus seguidores de forma inteligente, reforçando a presença digital da sua empresa e quebrando expectativas.

Consolidação definitiva do TikTok

Falamos em marcas fazendo entretenimento no Instagram como uma tendência para 2022, mas no TikTok isso já está consolidado. O próprio algoritmo do aplicativo, aliás, favorece a criação de conteúdos divertidos. A gente sabe o quanto o TikTok tem ditado as regras quando falamos de trends, do tipo de conteúdo que se produz, do consumo de vídeos curtos, entre outras características. O app deve crescer muito, também, como um canal de aquisição no Marketing Digital. Testamos recentemente aqui na Elemento Digital, fazer anúncios na plataforma levando para posts no nosso site, gerando tráfego. E como tudo por aqui tem CTA (call to action, o objetivo é direcionar os usuários para avançar em um processo de conversão online), conseguimos resultados bem interessantes em conversões, a um custo bem baixo. Se você ainda não entrou nessa brincadeira, a primeira dica é baixar o TikTok e observar os conteúdos que bombam por lá. Assim, poderá entender como inserir sua empresa na conversa.

Marketing e Vendas cada vez mais juntos

Não dá mais para Marketing ficar focado em gerar Leads sem critérios e vendas tentar fechar negócio com todos esses contatos. Isso não é eficiente. É preciso que as duas áreas trabalhem juntas, planejando, analisando e se responsabilizando pelo processo todo de forma unificada. Dessa forma é possível atingir o crescimento previsível. Acreditamos que o Marketing precisa passar a olhar o funil inteiro, até o momento da compra, buscando melhorar sua estratégia. Vendas, por sua vez, passa a ser uma área facilitadora, guiando o cliente, de forma personalizada, usando de forma estratégica as informações que vêm do Marketing, até fechar negócio.

Social Selling

Vender nas redes sociais não é exatamente uma novidade, mas o formato do Social Selling é uma tendência forte para 2022. Com os anúncios cada vez mais caros e o alcance orgânico das páginas de marcas e empresas cada vez mais reduzido, chegou a vez dos funcionários se posicionarem como referência no LinkedIn, Facebook e outros.
Isso tem muito a ver com a ideia de ter micro influenciadores internos, que criam e/ou distribuem conteúdo educativo relevante sobre o mercado de um negócio. Eles podem ser profissionais de Vendas, de Marketing ou até de outras áreas, o que importa é fazer com que seguidores avancem na jornada de compra.
Assim, é possível fazer abordagens de vendas mais precisas, já que o profissional consegue ter mais clareza de quem é a pessoa responsável pela tomada de decisão.

Ritmo menos frenético de produção de conteúdo

Embora possa parecer uma contradição com os vídeos cada vez mais curtos que dominam a internet, o slow content e os conteúdos mais duradouros são uma tendência de Marketing para 2022. E isso é bom tanto para quem produz quanto para quem consome, já que vivemos uma época de excessos de posts e publicações. O Marketing de Conteúdo é uma disciplina fundamental para se dar bem nesse caminho. Produções de valor como materiais educativos e mesmo blogposts mais longos geram mais interesse, criam leitores cativos e geram Leads por mais tempo.

Personalização de Conteúdo

Não faz mais sentido fazer ofertas e mandar mensagens que não dizem nada para os seus Leads. Com as possibilidades oferecidas pela automação de Marketing combinadas pela segmentação, é possível criar jornadas super personalizadas. Dessa forma, a sua empresa não perde tempo ou dinheiro investindo em um relacionamento para, no fim, errar no momento crucial da oferta.

Marketing (e Vendas) Convencional

A essa altura você já sabe que o WhatsApp não serve apenas para mandar memes e espalhar fake news, né? Você certamente já sabe que dá para vender pelo aplicativo mais popular do Brasil. A tendência para 2022, porém, é integrar o Marketing Conversacional ao ciclo de aquisição de Leads até a gestão de contatos em Vendas. Com ferramentas simples com um botão de WhatsApp no seu site, você pode capturar contatos para construir relacionamentos – e não para tentar fazer uma venda para quem não está preparado. Os chatbots (como o próprio nome já diz, é um chat comunicação via internet, tipo um bate-papo, feito por um robô.) também estão aí para auxiliar em todo o processo. O segredo está em integrar o Marketing Conversacional à sua estratégia de Marketing Digital de forma complementar. Oferecer conteúdos personalizados para posterior conversão também é uma ótima ideia, reforçando sua autoridade através da educação.

Google Web Stories

Os famosos Stories do Google – que não são Stories nem são do Google – entraram na rotina de publicações aqui da Elemento Digital em 2021. Tivemos bons resultados orgânicos com alguns posts e com outros nem tanto. Os Web Stories viraram uma nova fonte de tráfego para nós, já que são uma oferta de conteúdo relevante em um formato com potencial de atingir uma audiência com quem ainda não nos comunicávamos. A dica é adaptar conteúdos que você já tem para o formato. Vale lembrar que é possível colocar CTAs nos Web Stories. Dessa forma, o usuário pode, por exemplo, se aprofundar fazendo uma conversão, assim como já acontece no Instagram Stories. Mas não force a barra, em geral esse formato é para consumo rápido.

Nunca deixe a criatividade de lado

Seguir tendências e tentar copiar ações de Marketing que deram certo em outros negócios não é garantia de sucesso. Pior: pode limitar a sua capacidade própria de produzir coisas novas e criar ações e campanhas que se comunicam perfeitamente com o público do seu negócio. A criatividade, essencial em tudo que fazemos, só floresce quando é livre. Existem metodologias que podem ser estudadas e aplicadas, mas é preciso pensar profundamente a respeito delas e fazer as adaptações necessárias. Não aprovamos “ficar pulando de galho em galho”, mas sim se aprofundar em poucos canais nos quais você tem condições de atuar melhor.

Como está seu planejamento para 2022?

Bom, agora que você já sabe quais são as tendências para 2022 na visão da equipe de Marketing da Elemento Digital, está na hora de entender como colocá-las em prática. Antes de mais nada, porém, é preciso investir em planejamento. Se você ainda não começou, temos uma fabulosa equipe aqui para te ajudar! Entre em contato conosco através de nossos canais. Estaremos te esperando. Dúvidas, Clique aqui e fale conosco.
Fonte RD.

Em que podemos ajudar?